Startups do Agro: precisando de crédito rural? A Nagro te ajuda a encontrar a melhor opção

935

A  Nagro é uma startup do setor agro fundada no ano de 2015, que surgiu do interesse de dois produtores rurais em mostrarem à sociedade a força e a importância do agronegócio para a nossa economia. O principal objetivo da empresa consiste em fomentar a rentabilidade ao produtor rural a partir do crédito. Através de uma plataforma web, a Nagro conecta produtores rurais as melhores fontes de crédito para o seu negócio, de acordo com seu perfil e sua demanda.

O Crédito Rural resume-se em uma série de empréstimos financeiros subsidiados pelo governo. O objetivo é simples: ajudar no financiamento de sua produção ou nos investimentos necessários para o crescimento e desenvolvimento de suas atividades, resultando assim na movimentação da economia brasileira.

A plataforma disponibilizada pela Nagro funciona da seguinte maneira:

1º – Cadastro: o produtor faz seu cadastro e realiza a solicitação em um formulário online.

2º –  Mostra de opções: o sistema analisa seus dados e apresenta as melhores opções que se encaixam no seu perfil.

3º – Você escolhe: o produtor escolhe a opção que melhor atende a suas necessidades e envia a documentação necessária para análise.

4º – Assinatura de contrato:  se a documentação for aprovada, o produtor fecha o negócio e assina o contrato.

A Nagro recebe e processa sua solicitação digitalmente, trazendo mais velocidade ao seu processo de crédito. Outra vantagem é que o processo é realizado na comodidade de casa. É possível visualizar, em um só lugar, todas as opções de crédito que você pode acessar para seu negócio, permitindo que você avalie a que melhor se encaixa à sua necessidade, comparando taxas, prazos e demais condições. Somente no ano de 2018 a Nagro teve mais de 410 Milhões em solicitações de crédito em nossa plataforma, por mais de 500 produtores de 22 estados brasileiros.

Para mais informações, acesse o site da Nagro .

Produção: Bruna Eduarda Meinen Feil, Assessora de Comunicação Mais Soja, com informações da Assessoria de Comunicação da Nagro

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA